Papelaria das “Portas da Maia” voltou a ser assaltada

Papelaria das “Portas da Maia” voltou a ser assaltada

Assaltantes, encapuzados, conseguiram fugir após agredirem funcionário, que acabou por ser transportado para o hospital com ferimentos na cabeça.

É segunda vez que esta papelaria é assaltada no espaço de quatro meses. No final da tarde da passada sexta-feira, 26 de fevereiro, a papelaria “Amanhecer 2”, situada na Avenida D. Manuel II, junto às “Portas da Maia”, voltou a ser alvo de uma tentativa de assalto.

A notícia foi avançada pelo Correio da Manhã esta sexta-feira que adianta que tudo terá acontecido perto das 19h40, altura em que o funcionário da papelaria foi abordado por dois assaltantes armados e encapuzados quando tentava encerrar o estabelecimento pela porta traseira, que dá acesso a uma rua sem saída,  rua Joaquim Teixeira Almeida.

Segundo o mesmo jornal, os assaltantes terão disparado vários tiros para o ar e ainda agredido a vítima, que terá sido transportada para o hospital com ferimentos na cabeça.

Os assaltantes terão conseguido fugir e levar a mochila do funcionário com documentos pessoais e as chaves do estabelecimento.

O caso está agora entregue à Polícia Judiciária.

Relembre-se que em novembro passado, a mesma papelaria foi alvo de um brutal assalto, que felizmente não causou vítimas.

Foto: Facebook “Papelaria Amanhecer”.

Compartilhar este post

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *