Alegadamente, uma mulher terá posto termo à vida após ter morto a filha de 42 anos, na Rua Luís de Camões, em Moreira da Maia. O alerta foi dado esta quarta-feira, pelas 12:30 horas.

Prestaram assistência no local o INEM e a GNR da Maia. A remoção dos cadáveres, do local até ao Instituto de Medicina Legal do Porto, esteve a cargo dos Bombeiros Voluntários de Pedrouços.

O caso está agora sob a alçada da Polícia Judiciária.

O Jornal da Maia ainda não conseguiu confirmar os motivos e circunstâncias que levaram a este desfecho.

 

Deixe uma resposta