Obra de 32 milhões de euros deverá avançar ainda em 2021. Construção da 3ª fase da Variante à N14, entre o Castêlo da Maia e Rio Ave, é «uma excelente notícia», diz Silva Tiago, que acredita que condições atuais são um «estrangulamento para a economia local».

A autarquia fez saber esta quinta-feira que o Ministério das Finanças deu luz verde para o lançamento do concurso para a construção da 3ª fase da Variante à Estrada Nacional 14, entre o Castêlo da Maia e Rio Ave, na Trofa. Segundo a mesma, a garantia foi dada ao presidente da Câmara da Maia pelo secretário de Estado das Infraestruturas esta quarta-feira.

O concurso público deverá ser lançado na próxima semana, devendo os trabalhos avançar ainda em 2021, com um custo de 32 milhões de euros. António Silva Tiago, presidente da Câmara Municipal da Maia, já reagiu «a conclusão da variante, numa extensão de cerca de 10 quilómetros, é uma excelente notícia, uma vez que as condições atuais constituem um estrangulamento para a economia local e um grande constrangimento na circulação das pessoas».

O edil explicou ainda que «o avanço do novo troço acontecerá após a conclusão do que está a ser construído e que deverá abrir ao trânsito nos próximos tempos. Já está quase pronto, mas não será reaberto enquanto não for construído a passagem pedonal superior na Rua Serafim da Cruz».

*Fotografia DR/Google

Deixe uma resposta