Camionista simula furto de pneus em Campo Maior e desvia mercadoria para armazém na Maia

Camionista simula furto de pneus em Campo Maior e desvia mercadoria para armazém na Maia

539 pneus tinham Marrocos como destino, mas camionista simulou o roubo em Campo Maior, após ter desviado mercadoria para armazém na Maia. Valor dos pneus ascende aos 40 mil euros.

Segundo a notícia desta terça-feira do Linhas de Elvas, o Comando Territorial de Braga da GNR terá recuperado 539 pneus, no valor estimado de 40.425 euros, num armazém na Maia. Material terá sido furtado em Campo Maior, alegadamente a 11 de fevereiro.

Na sequência de uma denúncia por furto de parte da carga de um camião, em Campo Maior, os militares da GNR iniciaram diligências com o intuito de localizar o material furtado, bem como o autor do furto.

A GNR revela que, no decorrer da investigação, terá sido apurado que o condutor do camião, após ter iniciado o transporte dos pneus em Vila Nova de Famalicão com destino a Marrocos, efectuou uma paragem num armazém na Maia, onde retirou e armazenou os pneus furtados. Foi possível apurar ainda que, após seguir a rota estipulada, o suspeito fez uma paragem de descanso na zona de Campo Maior, onde simulou que parte da carga teria sido furtada naquela localidade sem que o mesmo se apercebesse. No seguimento das diligências policiais a mercadoria furtada foi localizada no armazém na Maia, tendo sido entregue à empresa proprietária.

O suspeito foi identificado e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Elvas.

Compartilhar este post

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *