AXM Queens promove o xadrez feminino

AXM Queens promove o xadrez feminino

Em Dia Internacional da Mulher, a Academia de Xadrez da Maia (AXM) lança projeto pela luta de igualdade de género no desporto e promove a primeira aula online, destinada às mulheres.

No panorama da sociedade atual, existe ainda o estereótipo que o xadrez é um jogo para o sexo masculino. Estudos dizem que é mais fácil uma mulher ser presidente dos EUA do que ser Campeã Mundial de xadrez, sendo que outros dados revelam que apenas 2% dos Grande-Mestres (GM) são mulheres. 

Apesar de já existirem algumas iniciativas a nível mundial para promover o xadrez feminino (The Susan Polgar Foundation), acreditamos que é possível fazer mais, através da Academia de Xadrez da Maia, para captar elementos do sexo feminino para a prática desta modalidade, com o objetivo final de criar um núcleo sólido e consistente.

Para este projeto, a AXM conta com a ajuda de duas irmãs, professoras, que cresceram a jogar xadrez, com vasto currículo de títulos nacionais, e que «sempre se mantiveram motivadas e participativas na modalidade, muito devido ao facto de poderem contar uma com a outra – a solidariedade, coesão e compreensão feminina desempenha assim um papel crucial para a sustentabilidade da ligação xadrezista, num mundo maioritariamente masculino».

O projeto irá passar pelas aulas online (também presenciais quando for possível), com o propósito de abranger jovens, meninas e também mulheres adultas que demonstrem interesse pela modalidade. Irá também fazer o acompanhamento de torneios e eventos, sempre de forma muito próxima das monitoras – «no fundo, a criação de uma equipa verdadeiramente feminina», adianta a AXM.

Este projeto tem como mote a badalada série da Netflix “Gâmbito de Dama” – que relata o sucesso da personagem Beth Harmon, uma jovem mulher que vinga no mundo masculino do xadrez nos anos 50-60. Para a academia, «esta é a motivação que faltava ao xadrez, e principalmente ao sexo feminino, para relançar e suscitar uma paixão que até ao momento tem estado adormecida, fazendo querer que será um projeto de sucesso».

Compartilhar este post

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *