A Câmara Municipal da Maia, em colaboração com as autoridades de saúde Local e Regional, terminou esta quarta-feira, 29 de abril, os testes em todas as estruturas residenciais para idosos da rede social e lucrativa, bem como nas estruturas de acolhimento residencial de crianças, jovens e pessoas com deficiência. Ao todo estão testadas 1659 pessoas de 36 instituições.

A autarquia faz saber que «foram realizados testes a todos os lares da rede solidária e rede lucrativa, bem como a todas as Estruturas de Acolhimento Residencial de crianças, jovens e pessoas com deficiência, perfazendo um total de 36 Instituições e de 1665 testes (945 utentes e 720 funcionários)».

O presidente da Câmara Municipal, António Silva Tiago, congratula-se com o «espírito de missão das equipas do Município e das autoridades de saúde, que permitiu concluirmos esta complexa operação em tempo recorde. É nosso dever tudo fazer para proteger a população sénior da Maia. É isso que temos vindo a fazer ativamente. Acabamos agora de testar utentes e profissionais de todas as instituições maiatas, assim como já fizemos as operações de realojamento temporário de idosos para desinfeção dos lares. Cumprimos o nosso dever para com os maiatos mais idosos».

A operação coordenada pela Câmara Municipal da Maia começou no passado dia 24 de março. «Os testes foram realizados a todos os utentes e profissionais das instituições. Na primeira visita às instituições os técnicos do laboratório foram sempre acompanhados por uma equipa constituída por dois médicos e um enfermeiro da delegação de saúde da Maia, e por um técnico do gabinete de Saúde da Câmara Municipal, cuja missão é a de formar e informar os procedimentos e medidas a adotar perante eventuais casos de infeção por sars-cov-2, designadamente a utilização correta de equipamentos de proteção individual; higienização correta e regular de espaços; implementação de medidas de separação de utentes e organização do trabalho adequada a prevenir a propagação da infeção».

Os testes serão repetidos sempre que os resultados derem positivos para a sars-cov-2, passado o período determinado pela Autoridade de Saúde Local. Até 26 de Abril, do total de 1665 testes realizados, deram positivo 168.

Além dos testes em lares e instituições de acolhimento, o Município da Maia realizou já mais de 3 mil testes no Centro de Rastreio Móvel Covid-19 Maia.

 

Fotografia com direitos reservados

Deixe uma resposta