Tem pessoas na família infetadas ou em vigilância por ser um caso suspeito? Os seu resíduos também podem estar infetados. Saiba o que deve fazer. 

Se suspeita que alguém do seu agregado familiar poderá estar infetado, deverá ter novos cuidados na gestão dos seus resíduos domésticos. Em casos como este deve:

– Colocar os resíduos produzidos pelo(s) doente(s) e por quem lhe(s) prestar assistência em sacos de lixo resistentes e descartáveis, com enchimento até 2/3 (dois terços) da sua capacidade. Os saco não deverão ser totalmente cheios.

– Fechar devidamente os sacos e colocá-los dentro de um segundo saco, devidamente fechado, e posteriormente depositado no contentor do lixo comum.

– Colocar os sacos dentro do contentor do lixo comum. Não deixe o saco no chão. Se estiver cheio, coloque no contentor mais próximo do lixo comum.

Caso não tenha em sua casa, pessoas infetadas ou em vigilância, deverá manter os procedimentos de deposição habituais, separando devidamente os seus resíduos e depositando-os no local habitual. A exceção deve acontecer para os resíduos das luvas, máscaras e lenços de papel, que devem ser sempre colocados no contentor do lixo comum.

 

Deixe uma resposta