Em reunião ocorrida ontem, dia 24 de junho de 2019, a Comissão Política Concelhia do PSD Maia indicou, conforme estabelecido nos critérios da Comissão Política Nacional e da Comissão Política Distrital do Partido, os nomes de Aloísio Nogueira e Márcia Passos, para integrarem a lista social-democrata do Distrito do Porto às próximas eleições legislativas.

Aloísio Fernando Maia Nogueira, advogado e autarca «conhecido e respeitado, com longa e prestigiada carreira quer no domínio profissional quer no domínio político. Está há muito ligado ao setor da Economia Social, mercê da sua longa participação na ação quotidiana da Santa Casa de Misericórdia da Maia», dizem em nota de imprensa. Recorde-se que, como autarca, foi presidente da Junta de Freguesia de Vermoim, na Cidade da Maia, tendo ainda sido agraciado com a Medalha de Mérito Autárquico – grau ouro, atribuída pelo Município da Maia

Márcia Isabel Duarte Passos Resende é também advogada desde 1995, tendo como áreas de atuação privilegiadas as relacionadas com o Direito Civil e Comercial, destacando-se o Direito Imobiliário. A este título, tem prestado serviços, extrajudiciais e de contencioso, a sociedades, imobiliárias e outras, a entidades bancárias, associações privadas e públicas, bem como a particulares «a experiência na área do urbanismo, ambiente e reabilitação deriva não só da sua atividade profissional como também das funções exercidas há mais de 12 anos como Presidente de Assembleia de Freguesia e como Deputada Municipal, o que obriga e permite uma atualização permanente da legislação em vigor», destaca o PSD que acrescenta «o financiamento bancário tradicional e o financiamento através de fundos europeus, tem merecido a sua constante atenção quer para clientes compradores de casa própria, quer para clientes, nomeadamente estrangeiros, investidores em sede de reabilitação urbanística, residencial e hoteleira, mantendo para o efeito relações profissionais com gabinetes de arquitetura especialmente vocacionados para esta área. Dada a sua crescente especialização nas referidas áreas, têm participado em inúmeras conferências, colóquios e congressos, sendo ainda convidada para lecionar matérias como o processo civil, contratos e direito do arrendamento, no ensino superior», resumiram.

Segundo a referida nota de imprensa, tendo por base a dimensão do Concelho da Maia em população total; o histórico de votação do PSD nas eleições anteriores, nomeadamente nos relevantes resultados autárquicos, que o tornam o maior Município liderado pelo Partido no Distrito e um dos maiores de todo o país; recordando ainda que nas ultimas legislativas a deputada indicada pela Maia ocupou o 3º lugar na lista do Porto, bem como a forma como desempenhou o seu mandato e aliando a tudo isto estas indicações, a Comissão Política de Secção «considerou cumprir todos os pressupostos e critérios definidos, salientando ainda que a escolha ter recaído pelo presidente de um órgão distrital, autarca de referência, várias vezes sufragado e sempre vencedor, e por uma pessoa Independente, também autarca de referência, sempre vitoriosa quando sufragada e que já colabora há muito com o PSD, conferem a ambos um reconhecido mérito pessoal, político e profissional que que dão todas as garantias de uma excelente representatividade da Maia na lista de Deputados e a certeza de um honroso lugar na lista final ordenada», transmitiram.

Deixe uma resposta