A Câmara Municipal da Maia anunciou hoje ao fim da manhã que «em articulação com o ACES Maia-Valongo e Autoridade Local de Saúde, está disponível para criar um Centro de Rastreio do novo coronavírus no Estádio Municipal Dr. José Vieira de Carvalho, com o apoio da Bial, encontrando-se a aguardar autorização da DGS.
Silva Tiago, presidente da Câmara Municipal da Maia, diz já ter concertado com todas as entidades e que estão prontos a avançar, pelo que mal tenham o aval da Direção Geral de Saúde «pomos o centro de rastreio operacional, pelo que apelo a uma rápida decisão por parte da DGS», afirma.
Paralelamente, o Município da Maia diz estar a «criar uma reserva estratégica de máscaras e demais equipamento de proteção individual para responder às necessidades dos serviços essenciais do universo municipal e das forças de socorro e segurança».

 

6 Casos confirmados na Secundária da Maia

Fonte não oficial garante ao Maiahoje e ao Jornal da Maia que já haverão mais de 50 casos suspeitos e mais de uma dezena de confirmados.
O Maiahoje e o Jornal da Maia soube ainda de fonte oficial que na Escola Secundária da Maia, são pelo menos 6 os casos já confirmados, uma assistente operacional, e cinco alunos, respectivamente do 9ºB, 9ºC, 11ºC e dois do 11ºL.

 

Informação escassa

O Maiahoje e o Jornal da Maia já endereçou à Delegação de Saúde Distrital um pedido de “briefing” ou resumo diário, mas até ao momento não obteve qualquer resposta, situação que poderá assim dar azo às muitas informações falsas que temos filtrado.
Alertamos os maiatos para terem em atenção apenas às informações provenientes de jornalistas profissionais qualificados, na Maia, a saber, ao que temos conhecimento, do Jornal Maia Hoje, Jornal da Maia e do Jornal Primeira Mão/ Rádio 5 e lamentamos a falta de informação das autoridades.

Deixe uma resposta