O movimento de militantes “Pelo Futuro do Porto, Agimos Agora” apresenta a sua candidatura à Comissão Política Distrital da Juventude Popular (JP). A lista é encabeçada por Diogo Meireles, actual presidente da Distrital do Porto da JP, e por Salvador Furtado, candidato a Secretário-Geral.

Com vista à construção de “Uma Geração para o Porto”, a estratégia do movimento de militantes da JP, liderada por Diogo Meireles, assenta na promoção do “desenvolvimento das concelhias”, na criação de relações de “proximidade entre dirigentes e militantes” na garantia de “uma intervenção política rigorosa e de qualidade, que esteja coordenada em todo o distrito” e na valorização da tradição e acréscimo da modernidade.

De realçar ainda como objetivos estratégicos da candidatura, a tónica colocada na formação de militantes e dirigentes, bem como na necessidade de reforçar a atratividade da JP para captação de novos militantes e futuros quadros, assente numa forte política de comunicação para o exterior.

Para o distrito do Porto, a candidatura defende, entre muitas outras medidas, a necessidade de investimentos com vista à expansão do Porto de Leixões com a garantia de que os impactos negativos são minimizados e que estejam previstas medidas claras de mitigação dos impactos para os quais não haja alternativa, ao aumento da capacidade do aeroporto Francisco Sá Carneiro, à construção da variante à EN14 entre a Maia e a Trofa, bem como ao arranque das obras na nova ala pediátrica do Hospital de S. João.

Do manifesto eleitoral faz ainda parte a defesa de um conjunto de medidas com o objetivo claro de “devolver ao futuro uma morada”. Assumem como prioritários o setor da Economia e Finanças para a pujança económica e o setor da Justiça para que este funcione com muito mais celeridade. A promoção da natalidade e a valorização da família, investimentos na saúde, no emprego e segurança social, as questões ambientais e o investimento no interior estão também na linha da frente da JP. A candidatura “Pelo Futuro do Porto, Agimos Agora” defende ainda a urgência da adoção de medidas de combate à abstenção e ao incentivo à participação na vida cívica.

De destacar ainda que, a candidatura “Pelo Futuro do Porto, Agimos Agora” encontra-se aberta a todas as pessoas e a todos os militantes da JP do distrito do Porto e, está igualmente disponível para receber ideias/contributos/opiniões que visem a melhoria das propostas divulgadas no manifesto.

O Plenário Distrital do Porto, com vista à eleição da Mesa do Conselho Distrital e à eleição da Comissão Política Distrital, realiza-se no próximo dia 30 de março. As urnas encerram às 20h00.

 O candidato
Diogo Meireles tem 27 anos e é licenciado em Economia pela Universidade Católica Portuguesa e Mestre em Gestão pela mesma universidade. Tem experiência profissional no setor do imobiliário na gestão de grandes contas na Sotheby’s International Realty, tendo anteriormente desempenhado funções na área comercial na Sonae. Passou ainda pela área fiscal e financeira em empresas como a PWC e a Parfois. Entre 2015 e 2018 foi deputado na Assembleia Municipal do Porto e entre 2013 e 2017 exerceu o cargo de deputado na Assembleia de Freguesia de Ramalde, no Porto.

Deixe uma resposta