Através da existência de vários estudos e artigos científicos elaborados por investigadores, cientistas e responsáveis de saúde pública em Inglaterra, a Unifardas, sediada na freguesia de Moreira da Maia, está a desenvolver e a aprofundar o desenvolvimento de máscaras “caseiras” para o utilizador comum. Um dos grandes problemas que está a acontecer com a pandemia do Covid-19, é a inexistência deste equipamento de proteção de modo a servir as necessidades da população em geral. Assim sendo, e tendo por base estudos científicos já feitos, a Unifardas dá-lhe as orientações de como poderá fazer uma máscara eficaz para a utilização em tarefas mais imediatas, tais como, idas ao supermercado, deslocações à farmácia ou outras tarefas de curta exposição.

 

 

Nota: Se as tiver alguma dificuldade em visualizar as medidas nas imagens, clique com o botão direito do rato em cima da imagem e selecione a opção “Abrir imagem num novo separador” para obter a imagem com maiores dimensões.

Deixe uma resposta