Em março, o Museu de História e Etnologia da Terra da Maia destaca o jarro globular de bordo extrovertido boleado como “Peça do Mês”.

Este jarro, faz parte de um conjunto de cerâmicas que cumpriam os rituais de enterramento dos mortos, pelo depósito das cinzas em pequenas urnas (vasos), juntamente com o espólio pessoal e espólio associado à cerimónia em si.
É proveniente da Necrópole da Forca, descoberta em 1947, aquando da construção do edifício da Sociedade Industrial do Castêlo da Maia, foi relocalizada em 2004 durante os trabalhos de prospeção realizados para a Carta Arqueológica do Concelho da Maia.
O Museu de História e Etnologia da Terra da Maia, situado na freguesia da Vila do Castêlo da Maia, tem em depósito e em exposição parte do espólio dessa mesma Necrópole.

Para visitar até dia 31 de março, com entrada gratuita.

Horário | Terça a Domingo, das 09h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h30. Encerra aos feriados, segunda-feira e domingos em Agosto

 

Deixe uma resposta