A orquestra juvenil da Escola Profissional de Mirandela – ESPROARTE, interpretou a obra “Porta do sorriso”, para coro infantil e orquestra, do compositor maiato Victor Dias, cujo poema é da autoria de Mizé Rouxinol.

Uma peça dedicada à Fundação Ronald McDonald, estreada no concerto comemorativo dos 15 anos daquela instituição, na Casa da Música, com os Pequenos Cantores da Maia acompanhados pela Orquestra das Beiras e com a participação especial de Isabel Alcobia, soprano e Carlos Guilherme, tenor.

A orquestra juvenil da ESPROARTE, sob a direção do jovem Maestro Manuel Fernandes, teve de fazer um “encore” repetindo a sua brilhante interpretação. O Maestro tinha ao seu dispor, todos os recursos tímbricos essenciais para assegurar a qualidade da sua execução numa obra que requer umas boas cordas, metais e madeiras suficientes, assim como um naipe de percussão bem reforçado e ainda o piano.

O compositor maiato e a autora, natural de Mirandela, foram os convidados de honra da organização, num espetáculo que decorreu no passado dia 21 de Junho, no auditório municipal daquela cidade transmontana.

A parte do coro esteve a cargo das crianças finalistas do 1º ciclo da Escola do Fomento, entusiasticamente preparadas pela professora Teresa, que naquele momento festejou com os seus alunos a conclusão do 4º ano do 1º ciclo do ensino básico.

Orlando Pires, Vice-Presidente da Câmara Municipal de Mirandela, acompanhado pela Vereadora do Pelouro da Cultura, Vera Preto, felicitaram o compositor e autora pelo sentido socialmente pedagógico da obra e agradeceram a presença de Victor Dias e Mizé Rouxinol.

Deixe uma resposta